Falar de zonas íntimas não é (nem pode) ser tabu. Por isso, o tema deste artigo é: o escurecimento e envelhecimento da região íntima feminina!

Muitas mulheres observam um certo escurecimento da região íntima (vagina, virilhas e perianal) e sentem-se bastante incomodadas. Estudos mostram que esta condição é muito comum, especialmente em mulheres morenas e negras. Por sua vez, o envelhecimento e flacidez vaginal vai atingir, mais cedo ou mais tarde, quase todas as mulheres.  O conhecimento deste assunto parece estar distante do quotidiano feminino, já que existem muitas mulheres que desconhecem as causas para o escurecimento e envelhecimento da área íntima. Estas são transformações que geram insegurança e que podem prejudicar os momentos de intimidade  entre o casal, insegurança que é mais comum nas mulheres mais jovens, ainda em fase de amadurecimento e que estão a iniciar uma vida sexual mais ativa.

Causas para o escurecimento

Como já foi mencionado, as negras e morenas possuem maior propensão a apresentar a região íntima mais escurecida. A razão? Têm uma maior produção de melanina, unindo o facto de que, nesta área, encontra-se um maior fluxo sanguíneo que, consequentemente, eleva a quantidade de hormonas que, por sua vez, pigmentam a pele desta área, resultando no escurecimento. É um fator fisiológico e, portanto, natural! Uma outra causa possível é a gravidez. Neste período fértil em transformações e alterações no corpo da mulher, onde a produção de hormonas se intensifica, pode ocorrer o escurecimento da vulva e vagina. Este processo também é frequente em mulheres que apresentam excesso de peso, no qual a produção de melanina é estimulada pela fricção da pele. Um outro fator é a sensibilidade da pele e, desta forma, o atrito das peças de vestuário mais justas também causam uma pele escurecida. Dá-se o nome de ‘discromias’, estas alterações da pele que podem atingir qualquer parte do corpo, como por exemplo, o vitiligo. Neste caso particular chama-se hipercromiagenital, que poderá manifestar-se de outras formas, provocando o envelhecimento da área íntima feminina. A hipercromiagenital pode ocorrer por perda da elasticidade dos grandes e pequenos lábios, provocado pelo envelhecimento natural, gravidez, infeções vaginais, desnutrição, roupa justa, depilação com cera, lazer e ‘gilete’ (pela agressão à pele).

Encontrar formas para aclarar a região 

Para algumas mulheres, esta situação afeta a autoestima, causando bastante desconforto (emocional) e vergonha durante as relações sexuais.  A boa notícia é que existem tratamentos bastante eficazes para o aclaramento e rejuvenescimento desta área sem cirurgias, cortes ou cicatrizes,  e melhor ainda, indolor ou com o mínimo desconforto. Tais procedimentos causam alguma polémica e dividem opiniões, mas quando o assunto se foca no amor-próprio, o melhor remédio será mesmo encontrar um profissional competente e perceber os procedimentos, número de sessões e manutenção domiciliar. Na clínica, o aclaramento com laser é efetuado através da aplicação de raios de luz e de calor. A pele afetada regenera-se, melhorando consideravelmente o aspeto da região. O peeling genital é um tratamento à base de soluções de ácidos específicos para o efeito e próprio para o tipo de pele a tratar, tendo sempre em conta que é uma zona muito delicada. Os ácidos promovem uma esfoliação, removendo as células mortas, o que estimula a produção de outras e, assim, renova a pele. Estes procedimentos causam não só uma renovação, mas também um rejuvenescimento local, tornando a área tratada mais túrgida, macia e hidratada. Os tratamentos de laser e ácidos poderão ser aplicados em toda a área genital, incluindo perianal e virilhas. Existem algumas precauções após aos tratamentos, mas nada que possa prejudicar ou impedir uma vida sexual saudável. Outra excelente solução para o caso de envelhecimento (grandes e pequenos lábios aumentam de tamanho e tornam-se mais flácidos) é a Radiofrequência. Esta tecnologia promove uma contração da pele e estimula o crescimento de novas fibras de colagénio e elastina, causando maior turgidez dos tecidos.

São muitos os benefícios deste serviço, a melhoria é significativa e em tempo relativamente curto, uma região íntima mais atraente, mais túrgida, mais clara e, certamente, uma autoestima mais elevada e momentos de intimidade bem mais descontraídos!

 

Por Denise Ferrandini

Dermocosmetóloga

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

3 × 1 =